Artigos

O pior da depressão não é a tristeza

“Tristeza não tem fim / Felicidade, sim”.

A Felicidade – Tom Jobim e Vinícius de Moraes

TRISTEZA
A menina doente (1896)
Edward Munch

Todo mundo fica triste às vezes. A morte de um ente querido. A perda do emprego. Uma briga.

Estar triste é uma situação desagradável, incômoda, que pode estar presente, de maneira crônica, em quadros depressivos. Porém – você pode se certificar disto perguntando a alguém que já passou pelo problema – a tristeza definitivamente não é o pior estado emocional envolvido na depressão.

Para o deprimido, o sintoma mais terrível da depressão é a desesperança. É sentir que o futuro não lhe reserva nada. Que não há mais nada de bom para ser vivido. Que não há esperança de melhorar.

Até mesmo lidar com a tristeza (ou a apatia, outro sintoma depressivo comum) fica mais fácil quando se tem alguma esperança. Viver num mundo de tristeza e apatia, e PERDER A ESPERANÇA, é o que torna a depressão tão mortal.

rawpixel.com

Quando a tristeza é sem fim…

Essa visão da depressão pode ser difícil de ser entendida por alguém que não a tenha experimentado pessoalmente.

Como pode não haver esperança? Há sempre esperança! Há sempre algum  futuro. Algo vai acontecer, com certeza! A vida continua! Tudo passa!

Pois esses são exatamente os pensamentos que o deprimido não consegue ter.

Pense comigo: o que os problemas de sua vida, por pior que pareçam, geralmente têm em comum?

Bem, na maioria dos casos, há esperança. Às vezes, mais, às vezes, menos. Mas você espera que melhore algum dia, ou seja, é capaz de visualizar um futuro em que o tal problema não existe mais. Por exemplo, você diz a si mesmo: “Espero que as coisas se resolvam”. Percebeu? Você ESPERA!

É isso que está faltando nos momentos mais obscuros da depressão. Não há em que acreditar! Não há em que se segurar!

Quando você é pego de jeito pela depressão, não consegue se animar com nada.

E tem outra coisa.

Normalmente, quando você está triste com algo, há outras coisas que ainda lhe fazem feliz. Você pode estar triste por perder seu emprego, mas ainda está animado com a pessoa que acabou de conhecer na academia. Você pode estar com o coração partido, mas ainda pode rir de um filme engraçado ou ficar animado com uma oportunidade de trabalho.

No entanto, quando você é “pego de jeito” pela depressão, não consegue se animar com nada. E, por alguma razão estranha, você está absolutamente convencido de que isso nunca vai mudar, e que você ficará preso para sempre nesse lugar sem esperança.

Isso é, na minha opinião, o que torna a depressão tão cruel, pois a esperança é o que nos faz passar por tempos difíceis, é o que nos mantém. É a razão pela qual as pessoas passam por enormes dificuldades. E é aquilo que você perde no momento em que mais precisaria.


RECADO PARA VOCÊ

A pandemia tem afetado o bem-estar de quase todas as pessoas.

Muitas estão ansiosas, estressadas ou assustadas, constantemente pensando no que pode dar errado.

Estudiosos preveem que isso deve trazer consequências negativas até muito tempo depois que a pandemia terminar.

Portanto, se você não estiver se sentindo bem, procure ajuda.

Se preferir, clique no botão do WhatsApp abaixo e fale comigo.


VEJA TAMBÉM

https://rgpsicologia.com/

Um comentário em “O pior da depressão não é a tristeza”

Deixe uma resposta