Artigos

Depressão de alto funcionamento: dor psíquica invisível

Palavras-chave: depressão de alto funcionamento; tristeza; psicoterapia

Por Psicólogo Rodrigo Giannangelo | Publicado em 15 de abril de 2022


A imagem que a maioria das pessoas associa à depressão é a de uma pessoa triste, solitária e abatida.

Sem dúvida, esta é uma situação comum na depressão. Porém, há pessoas que vivenciam esse transtorno de modo notavelmente distinto.

Algumas pessoas deprimidas levam vidas agitadas; trabalham, pagam suas contas, têm vida e redes sociais ativas. São tão funcionais que parece absurdo pensar que possam estar deprimidos.

A depressão de alto funcionamento, também chamada por alguns de distimia, pode ser difícil de detectar. Ao contrário dos principais episódios depressivos, que são intensos e debilitantes, a depressão de alto funcionamento é tênue, crônica e não tem gatilhos claros.

Tristeza vs. Depressão

A tristeza é um sentimento humano básico, que frequentemente surge depois de uma causa clara. Ficamos tristes por uma perda, por saudade, por nos sentirmos rejeitados.

Dessa forma, a tristeza pode trazer alívio. Mais que isso, a tristeza pode mesmo ser apreciada. Alguns dos mais belos poemas, canções e romances podem ser considerados odes à tristeza.

A depressão não oferece alívio. Ao contrário da tristeza, a depressão não é um sentimento, mas uma defesa contra sentimentos indesejados. Deprimir significa rebaixar, negar ou suprimir.

Depressão de alto funcionamento

depressão de alto funcionamento

A depressão de alto funcionamento não é motivada por um evento trágico ou traumático. Muitas vezes, não é possível estabelecer uma causa específica.

Como dito acima, alguém que enfrenta a depressão de alto funcionamento pode trabalhar, ver amigos e participar de eventos sociais. Porém, sente um peso que raramente vai embora; carrega um sentimento de exaustão aonde quer que vá. Sente que não tem nada a esperar do futuro. Vive um mal-estar constante, como uma nuvem escura em um céu claro.

Como lidar com a depressão de alto funcionamento

Autocuidado emocional: Muitas pessoas com depressão de alto funcionamento são autonegligentes de alguma maneira. Podem manter uma boa forma física, mas negligenciar sua vida emocional.  

Expressão Criativa: A depressão de alto funcionamento pode implicar um afastamento de experiências significativas. O contato com a arte, música, dança etc. – uma atividade que a pessoa ama – libera energia represada por uma rotina repetitiva.

Psicoterapia: Quando as mudanças de estilo de vida – dieta, atividade física, rotina, carreira – não resolvem, é hora de procurar um psicólogo. Como terapeuta, sei que isso pode abrir portas que pareciam fechadas para sempre.


RECADO PARA VOCÊ

A pandemia tem afetado o bem-estar de muitas pessoas. Ansiedade, estresse, medo – aconteceu com você?

Se você não estiver se sentindo bem, procure ajuda. Clique no botão abaixo e fale comigo.


VEJA TAMBÉM

https://rgpsicologia.com/

Deixe uma resposta